Conteúdo sugerido

Lean startup diz respeito ao "pensamento enxuto" (lean thinking) aplicado ao processo empreendedor.

Um princípio central no pensamento enxuto é reduzir o desperdício.
Os processos de lean startup usam o desenvolvimento de clientela para reduzir o desperdício, incrementando a frequência de contato com clientes reais e assim validando ou eliminando, o mais cedo possível, suposições incorretas sobre mercado.

O Circuito de Reação: Construir - Medir - Aprender tem 3 fases distintas. Na primeira fase cabe à empresa a construção do produto (ver: Produto minimamente viável). Após a elaboração desse produto e depois de sua apresentação aos clientes, a empresa pode MEDIR (2.ª fase) se os esforços desenvolvidos estão a conduzir a empresa para verdadeiros progressos ou se a empresa está a regredir. A empresa pode a partir deste momento APRENDER (3.ª fase) com os métricas elaboradas na fase anterior e saber se deve continuar com a implementação do produto ou se será necessário elaborar um Pivô (ver: Pivô) e reiniciar o Circuito de Reação.


O Lean Canvas é uma ferramenta baseada no Business Model Canvas que tem maior ênfase em hipóteses que precisam ser validadas cedo na vida de uma startup. Um dos exemplo dessa ênfase é a necessidade de encontrar o encaixe entre o problema de um mercado e a solução oferecida pela startup.


1*kScQCeXmQhEbEoC4vps1wA.png


Problema: Uma descrição breve sobre os top 3 problemas que sua startup quer resolver.

Segmento de Clientes: Quem são os clientes da sua startup? Eles podem ser melhor segmentados? Se você tiver mais de um tipo de cliente, o autor recomenda que você crie um lean canvas para cada um deles.

Proposta de Valor Única: Qual é o slogan do seu produto ou a principal característica que torna o seu produto diferente e merecedor do dinheiro dos clientes?

Solução: Qualé o menor conjunto de funcionalidades (MVP) que entrega a proposta de valor única descrita acima?

Métricas-Chave: Descreva as principais ações e métricas que suportam a geração de receitas ou retenção de clientes.

Canais: Faça uma lista de canais gratuitos e pagos que sua startup usa para atingir seus clientes.

Estrutura de Custos: Faça uma lista de todos os custos fixos e variáveis que sua startup possui.

Fluxos de Receita: Identifique o seu tipo de modelo de receita – assinatura, anúncios, freemium, e determine as premissas para indicadores como Life time value, margem bruta, break-even point, etc.

Vantagem Injusta: Esse item é o último por ser considerado o mais difícil de preencher. Uma vantagem injusta é algo que não pode ser copiado ou comprado. Você talvez comece o seu lean canvas sem preencher esse bloco, mas ele estará aqui para que você se cobre a preencher com algo realmente diferente do que existe no mercado.


Um produto minimamente viável (MVP) é a “versão de um novo produto que permite a equipe a coletar a quantidade máxima de aprendizagem validadas sobre clientes com o mínimo esforço.”O objetivo do MPV é testar hipóteses de negócios fundamentais e ajudar os empreendedores a começarem o processo de aprendizagem o mais rápido possível.

Desenvolvimento contínuo (Continuous Deployment)  é um processo “onde todo código que é escrito para uma aplicação é imediatamente implantado em produção,” o que resulta em uma redução do tempo de ciclo.

Um pivô é uma “correção de curso estruturado para testar uma nova hipótese fundamental sobre o produto, estratégia ou motor de crescimento.

Fontes:

 wikpedia

 «Achieving Flow in a Lean Startup». ash maurya. 8 de dezembro de 2009.


O analista de modelos de negócio


Atividades recentes